#chegadecorrupção

Declaração de Bolsonaro sobre governadores da Amazônia Legal foi 'inadequada', diz Waldez Góes

O governador do Amapá, Waldez Góes (PDT), afirmou nesta quinta-feira (13) que a declaração do presidente Jair Bolsonaro sobre os governadores da Amazônia Legal foi “inadequada”.

O governador do Amapá, Waldez Góes (PDT), afirmou nesta quinta-feira (13) que a declaração do presidente Jair Bolsonaro sobre os governadores da Amazônia Legal foi “inadequada”.

Mais cedo, nesta quinta, Bolsonaro disse que “não resolveria nada” incluir os governadores da região no Conselho da Amazônia Legal. O conselho foi criado em 1995 e, pelo decreto de criação, seria composto por ministros, representantes de órgãos federais e governadores.

Mais cedo, nesta quinta, Bolsonaro disse que “não resolveria nada” incluir os governadores da região no Conselho da Amazônia Legal. O conselho foi criado em 1995 e, pelo decreto de criação, seria composto por ministros, representantes de órgãos federais e governadores.

Na última terça (11), porém, o presidente editou um decreto para transferir o Conselho da Amazônia do Ministério do Meio Ambiente para a Vice-presidência. Conforme o texto do decreto, os governadores não integram mais o grupo, somente ministros do governo federal.

Na última terça (11), porém, o presidente editou um decreto para transferir o Conselho da Amazônia do Ministério do Meio Ambiente para a Vice-presidência. Conforme o texto do decreto, os governadores não integram mais o grupo, somente ministros do governo federal.

“Considero a declaração do presidente da República inadequada. A representatividade do Conselho Nacional da Amazônia Legal fica prejudicada, já que proposições de políticas públicas para a proteção, preservação e desenvolvimento da região requerem trabalho integrado e junção de esforços”, afirmou Waldez Góes.

“Considero a declaração do presidente da República inadequada. A representatividade do Conselho Nacional da Amazônia Legal fica prejudicada, já que proposições de políticas…

Continue lendo na fonte

Comentários