#chegadecorrupção

MPF dá prazo de 10 dias para Damares responder sobre funcionamento de comissões do Ministério da Família

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, órgão que integra o Ministério Público Federal (MPF), encaminhou ofício para a ministra Damares Alves pedindo que ela forneça informações sobre o funcionamento de 12 órgãos colegiados de promoção e defesa de direitos humanos vinculados ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, órgão que integra o Ministério Público Federal (MPF), encaminhou ofício para a ministra Damares Alves pedindo que ela forneça informações sobre o funcionamento de 12 órgãos colegiados de promoção e defesa de direitos humanos vinculados ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

No documento, a procuradora federal dos Direitos do Cidadão, Deborah Duprat, ressaltou a importância dos órgãos e citou denúncia, publicada no jornal “O Estado de S.Paulo” neste mês, sobre a suposta paralisação, extinção e esvaziamento de comitês, comissões e conselhos ligados ao Ministério chefiado por Damares.

No documento, a procuradora federal dos Direitos do Cidadão, Deborah Duprat, ressaltou a importância dos órgãos e citou denúncia, publicada no jornal “O Estado de S.Paulo” neste mês, sobre a suposta paralisação, extinção e esvaziamento de comitês, comissões e conselhos ligados ao Ministério chefiado por Damares.

O pedido foi enviado para ministra Damares na última sexta-feira (8) e deu um prazo de dez dias para resposta. A procuradora pediu que a ministra informe as datas em que já ocorreram reuniões dos 12 órgãos colegiados, além de um cronograma das próximas reuniões.

O pedido foi enviado para ministra Damares na última sexta-feira (8) e deu um prazo de dez dias para resposta. A procuradora pediu que a ministra informe as datas em que já ocorreram reuniões dos 12 órgãos colegiados, além de um cronograma das próximas reuniões.

Entre os órgãos citados pela Procuradoria no documento, estão o…

Continue lendo na fonte

Comentários