#chegadecorrupção

Caixa quer economizar R$ 3,5 bi em dois anos; Guedes garante que só faltam 48 votos pra reforma. Jornais de sábado (9)

O Globo dá destaque à entrevista concedida pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, que afirma que o objetivo da nova gestão do banco é economizar R$ 3,5 bilhões em dois anos e, para alcançar esse número, começou a rever contratos.

O Globo dá destaque à entrevista concedida pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, que afirma que o objetivo da nova gestão do banco é economizar R$ 3,5 bilhões em dois anos e, para alcançar esse número, começou a rever contratos.

Segundo o matutino carioca, o banco pretende levantar R$ 15 bilhões com o lançamento de ações na Bolsa de Valores de empresas nas áreas de cartões, loterias, seguros e gestão de ativos. Para Pedro Guimarães, é preciso estimular o brasileiro a investir em ações. “Temos menos de 800 mil pessoas investindo em ações. É menos de 0,4% da população”, destaca o presidente da Caixa.

Segundo o matutino carioca, o banco pretende levantar R$ 15 bilhões com o lançamento de ações na Bolsa de Valores de empresas nas áreas de cartões, loterias, seguros e gestão de ativos. Para Pedro Guimarães, é preciso estimular o brasileiro a investir em ações. “Temos menos de 800 mil pessoas investindo em ações. É menos de 0,4% da população”, destaca o presidente da Caixa.

Ele também afirmou que o banco vai lançar em abril um cartão de crédito consignado, com juros menores, voltado principalmente para os funcionários da Caixa, para aposentados, servidores públicos e, por último, para funcionários de empresas privadas.

Ele também afirmou que o banco vai lançar em abril um cartão de crédito consignado, com juros menores, voltado principalmente para os funcionários da Caixa, para aposentados, servidores públicos e, por último, para funcionários de empresas privadas.

A Caixa também pretende reduzir a ocupação de imóveis em São Paulo, onde ocupa 7 prédios na Avenida Paulista, e em Brasília, onde ocupa 15 prédios….

Continue lendo na fonte

Comentários