#chegadecorrupção

Presidente do Senado diz que mandará apurar se houve tentativa de fraude em votação

O novo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse neste sábado (2) que vai determinar que seja apurado se houve tentativa de fraude na primeira votação à Presidência do Senado, que acabou anulada.

O novo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse neste sábado (2) que vai determinar que seja apurado se houve tentativa de fraude na primeira votação à Presidência do Senado, que acabou anulada.

Na hora da apuração, descobriu-se que havia 82 cédulas de papel depositadas na urna para um total de 81 senadores – 80 cédulas estavam dentro dos envelopes correspondentes, como deveria ser, e 2 cédulas estavam soltas, sem envelope.

Na hora da apuração, descobriu-se que havia 82 cédulas de papel depositadas na urna para um total de 81 senadores – 80 cédulas estavam dentro dos envelopes correspondentes, como deveria ser, e 2 cédulas estavam soltas, sem envelope.

Diante do protesto de senadores, a votação teve que ser refeita e Alcolumbre foi eleito com 42 votos.

“Como presidente, agora, vou determinar que seja apurado o que aconteceu, se foi um envelope a mais ou se foi realmente essa suspeita [de tentativa de fraude]”, afirmou Alcolumbre em entrevista após o fim da sessão.

“Como presidente, agora, vou determinar que seja apurado o que aconteceu, se foi um envelope a mais ou se foi realmente essa suspeita [de tentativa de fraude]”, afirmou Alcolumbre em entrevista após o fim da sessão.

O senador disse que não queria se antecipar aos fatos e que era preciso esclarecer o que tinha acontecido antes de dizer que houve, de fato, uma tentativa de fraudar o pleito.

O senador disse que não queria se antecipar aos fatos e que era preciso esclarecer o que tinha acontecido antes de dizer que houve, de fato, uma tentativa de fraudar o pleito.

“Eu tenho que avaliar, parece que tem uma filmagem ou alguma coisa…

Continue lendo na fonte

Comentários