#chegadecorrupção

Juiz do DF nega pedido da Defensoria Pública para manter regras atuais do Mais Médicos

O juiz Eduardo Rocha Penteado, da 14ª Vara Federal do Distrito Federal, rejeitou pedido da Defensoria Pública da União para determinar que a União mantenha as regras atuais do Mais Médicos. A ação ainda será julgada no mérito, mas não há prazo para isso.

O juiz Eduardo Rocha Penteado, da 14ª Vara Federal do Distrito Federal, rejeitou pedido da Defensoria Pública da União para determinar que a União mantenha as regras atuais do Mais Médicos. A ação ainda será julgada no mérito, mas não há prazo para isso.

A Defensoria queria que a União mantivesse a “participação de médicos estrangeiros de qualquer nacionalidade, condicionando quaisquer alterações, especialmente no tocante a desnecessidade de submissão ao Revalida, à realização de prévio estudo de impacto e comprovação da eficácia”.

A Defensoria queria que a União mantivesse a “participação de médicos estrangeiros de qualquer nacionalidade, condicionando quaisquer alterações, especialmente no tocante a desnecessidade de submissão ao Revalida, à realização de prévio estudo de impacto e comprovação da eficácia”.

Na semana passada, o governo cubano decidiu retirar do Brasil os profissionais do país devido a críticas do presidente eleito Jair Bolsonaro. Ele informou, por sua vez, que o governo cubano havia decidido deixar o Mais Médicos por não concordar com o teste de capacidade.

Na semana passada, o governo cubano decidiu retirar do Brasil os profissionais do país devido a críticas do presidente eleito Jair Bolsonaro. Ele informou, por sua vez, que o governo cubano havia decidido deixar o Mais Médicos por não concordar com o teste de capacidade.

Após a decisão de Cuba, o governo brasileiro lançou um novo edital para preencher as mais de 8 mil vagas que serão deixadas pelos médicos da ilha.

Após a decisão de Cuba, o governo brasileiro lançou um novo edital para preencher as mais de 8 mil vagas que serão deixadas pelos médicos da…

Continue lendo na fonte

Comentários