#chegadecorrupção

Bolsonaro defende futura ministra da Agricultura: 'No momento, ela goza de toda confiança nossa'

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, defendeu neste domingo (18) sua futura ministra da Agricultura, a deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS), depois de reportagem do jornal “Folha de S.Paulo” afirmar que ela concedeu incentivos fiscais à empresa JBS quando era secretária do agronegócio de Mato Grosso do Sul, ao mesmo tempo em que mantinha um negócio pecuário com o grupo.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, defendeu neste domingo (18) sua futura ministra da Agricultura, a deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS), depois de reportagem do jornal “Folha de S.Paulo” afirmar que ela concedeu incentivos fiscais à empresa JBS quando era secretária do agronegócio de Mato Grosso do Sul, ao mesmo tempo em que mantinha um negócio pecuário com o grupo.

Questionado sobre o assunto neste domingo durante visita a uma competição de jiu-jítsu no Rio de Janeiro, Bolsonaro respondeu: “Eu também sou réu e daí? Tenho que renunciar ao meu mandato?”. Ele responde a uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) por apologia ao estupro.

Questionado sobre o assunto neste domingo durante visita a uma competição de jiu-jítsu no Rio de Janeiro, Bolsonaro respondeu: “Eu também sou réu e daí? Tenho que renunciar ao meu mandato?”. Ele responde a uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) por apologia ao estupro.

E continuou: “Afinal de contas eu sou uma pessoa, um ser humano, que posso errar. E qualquer um ministro que tiver uma acusação grave e for aprovada nós vamos tomar uma providência. No momento, ela goza de toda confiança nossa.”

E continuou: “Afinal de contas eu sou uma pessoa, um ser humano, que posso errar. E qualquer um ministro que tiver uma acusação grave e for aprovada nós vamos tomar uma providência. No momento, ela goza de toda confiança nossa.”

Reportagem da “Folha” deste domingo (18) revelou que a assinatura da parlamentar consta de documentos entregues por executivos da JBS como complemento ao acordo de…

Continue lendo na fonte

Comentários