#chegadecorrupção

Gastos de campanha no 1º turno das eleições caem pela metade em comparação a 2014

Os gastos de campanha nas eleições deste ano caíram pela metade em comparação com 2014. É o que mostra levantamento do G1 a partir de informações disponibilizadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O cálculo leva em conta o gasto de 2014 já corrigido pelo IPCA.

Os gastos de campanha nas eleições deste ano caíram pela metade em comparação com 2014. É o que mostra levantamento do G1 a partir de informações disponibilizadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O cálculo leva em conta o gasto de 2014 já corrigido pelo IPCA.

Candidatos e partidos contrataram ao menos R$ 2,9 bilhões de despesas até o dia 7 de outubro, quando ocorreu o 1º turno das eleições de 2018. Em 2014, a soma dos gastos de candidatos, partidos e comitês foi de R$ 5,8 bilhões até 5 de outubro de 2014, data do 1º turno das eleições daquele ano.

Candidatos e partidos contrataram ao menos R$ 2,9 bilhões de despesas até o dia 7 de outubro, quando ocorreu o 1º turno das eleições de 2018. Em 2014, a soma dos gastos de candidatos, partidos e comitês foi de R$ 5,8 bilhões até 5 de outubro de 2014, data do 1º turno das eleições daquele ano.

As duas quantias se referem aos gastos totais (de partidos e candidatos, além dos comitês, que existiram até 2014) descontados os repasses a outros candidatos ou partidos. Neste ano, a campanha durou 45 dias (a metade do tempo da passada).

As duas quantias se referem aos gastos totais (de partidos e candidatos, além dos comitês, que existiram até 2014) descontados os repasses a outros candidatos ou partidos. Neste ano, a campanha durou 45 dias (a metade do tempo da passada).

Segundo Denisson Silva, doutorando em ciência política e pesquisador do Centro de Estudos Legislativos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o teto de gastos para cada cargo fixado pelo TSE é um dos principais responsáveis por essa queda. Além disso, o pesquisador enumera outros fatores, como a campanha mais curta,…

Continue lendo na fonte

Comentários