#chegadecorrupção

Ciro Gomes desembarca no Brasil, mas não fala sobre disputa em segundo turno

O candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, derrotado no primeiro turno das eleições, desembarcou no Brasil nesta sexta-feira (26), mas não falou sobre a eleição presidencial, disputada por Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL).

O candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, derrotado no primeiro turno das eleições, desembarcou no Brasil nesta sexta-feira (26), mas não falou sobre a eleição presidencial, disputada por Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL).

Ciro Gomes estava no exterior desde o dia 11 de outubro. Ele ainda não deu declaração sobre apoio no segundo turno. No aeroporto de Fortaleza, o pedetista foi recebido por apoiadores e não concedeu entrevista à imprensa.

Ciro Gomes estava no exterior desde o dia 11 de outubro. Ele ainda não deu declaração sobre apoio no segundo turno. No aeroporto de Fortaleza, o pedetista foi recebido por apoiadores e não concedeu entrevista à imprensa.

Uma declaração pública de apoio de Ciro é esperada pela campanha de Fernando Haddad desde o fim da votação do dia 7 de outubro. Três dias após o primeiro turno, o PDT se reuniu e decidiu dar “apoio crítico” ao petista, mas afirmou que não participaria da campanha.

Uma declaração pública de apoio de Ciro é esperada pela campanha de Fernando Haddad desde o fim da votação do dia 7 de outubro. Três dias após o primeiro turno, o PDT se reuniu e decidiu dar “apoio crítico” ao petista, mas afirmou que não participaria da campanha.

O PT costurou acordos com o PSB para disputas regionais, o que ajudou a isolar o PDT na disputa ao Planalto.

O PT costurou acordos com o PSB para disputas regionais, o que ajudou a isolar o PDT na disputa ao Planalto.

Nesta quinta-feira (25), Fernando Haddad afirmou que, se existe “aresta” entre PT e Ciro, é preciso colocá-la de lado. O petista acrescentou que, com Ciro Gomes, a disputa fica mais…

Continue lendo na fonte

Comentários